Entendendo o que é Linux, GNU/Linux e distribuição Linux

Já ouvi gente falando “comprei um computador com Linux, e achei muito ruim!”. Fiquei pensando então, depois disso, se as “pessoas comuns, se as pessoas que não entendem do mundo tecnológico, e nem querem ou precisam entender, sabem o que é Linux, pois Linux é excelente e dizer o contrário não faz sentido, não é razoável e muito menos racional.



O que é Linux?


Linux um kernel. Kernel é o núcleo do sistema. Ele quem faz a ligação entre o hardware e o software, entre os componentes físicos e os programas. É como se fosse um gerente, que organiza tudo para essa comunicação entre hardware e software ser a melhor possível, mais rápida possível, mais precisa, sem “desentendimentos”.

Então fica claro que sem um bom kernel, nada funciona direito, pois o núcleo do sistema é de vital importância.

Quem faz esse kernel Linux?


Quem começou fazendo, sozinho, foi o programador finlandês Linus Torvalds. Logo depois ele abriu o código e compartilhou o projeto, fazendo com que o kernel agora fosse desenvolvido por diversos programadores pelo mundo.

O projeto com o passar dos anos ganhou apoio de um número cada vez maior de programadores independentes, universidades e empresas, e se tornou grandioso, e nisso nasceu diversas organizações com interesse de desenvolver o kernel.

Juntando diversos interesses, nasce então a Fundação Linux, que desenvolve e coordena o desenvolvimento. Diversas empresas são membros da Fundação.

Então atualmente que faz, ou seja, quem desenvolve a maior parte do kernel é primeiramente empresas como Intel, IBM, Red Hat, Novell, Google, Oracle, CISCO, SGI, HP, MIPS, Fujitsu e outras muitas. Depois a própria Fundação Linux, seguida por programadores independentes, grupos independentes, outras fundações, universidades, governos.

Veja quem faz parte da Fundação Linux:
http://www.linuxfoundation.org/about/members





O que é GNU/Linux?


Linux é o kernel, mas não o sistema operacional completo.

GNU é um sistema operacional idealizado por Richard Stallman. Ele contém bibliotecas, compilador, aplicativos e diversas ferramentas.

GNU usaria o kernel Hurd, mas o projeto Linux abraçou o GNU e surgiu o sistema operacional GNU/Linux.

A partir do GNU/Linux empresas, grupos, governos e fundações desenvolvem sua distribuição Linux.

O que é um distribuição Linux?


De acordo com o Projeto GNU, em média uma distribuição Linux é 3% kernel, 28% GNU.

Distribuição Linux, então, é pegar o Linux ou, como geralmente acontece, o GNU/Linux e acrescentar mais programas e características próprias.

Por exemplo. A distribuição Ubuntu é voltada para o público comum, então terá usabilidade amigável e vários programas de uso no cotidiano, escolhidos pela Canonical.

Enquanto o Ubuntu usa como ambiente gráfico o Gnome, tem como tocador de áudio o Rhythmbox, o tocador de vídeo Totem, a Central de Programas do Ubuntu para instalar programas, por exemplo, a distribuição Mandriva usa ambiente gráfico KDE, usa como tocador de áudio o Amarok, tem o Dragon Player como tocador de vídeo e já vem o Flash Player instalado por padrão.

Existe também diferenças mais gritantes. Por exemplo, a distribuição Scientific Linux é feita pelo Fermilab e pelo CERN (sim, aquele laboratório do acelerador de partículas que inclusive apareceu na obra “Anjos e Demônios”), então não tem uma usabilidade voltada para usuários comuns, não tem um ambiente gráfico “enfeitado” e tem programas que ajudam na pesquisa científica.



Distribuições Linux fantásticas e outras nem tanto


Então, Linux é bom, é incontestável isso, como também o GNU/Linux. Tanto é bom que o GNU/Linux é usado em tarefas críticas em servidores e supercomputadores e está crescendo em ritmo acelerado em smartphones (já deixou o Windows Mobile para trás e passou o iOS, sistema do iPhone).

Mas continuando, apesar do Linux e GNU/Linux serem incontestavelmente bons, uma empresa pode pegá-los e fazer uma usabilidade da distribuição ruim, colocando programas não tão bons, tendo uma configuração mal acabada e um suporte ao repositório fraco. Isso acontece muito. Existem muitas distribuições Linux ruins, mas felizmente existem muitas boas.

Sistemas Linux


Como eu disse, Linux é excelente e dizer o contrário não faz sentido. Com base no Linux e em parte do GNU pode-se fazer excelentes produtos, como:

Ubuntu da Canonical:
http://www.ubuntu.com

Red Hat Linux:
http://www.br.redhat.com

SUSE e OpenSUSE da Novell:
http://pt.opensuse.org

Scientific Linux do Fermilab e CERN:
https://www.scientificlinux.org

Android do Google:



Então o que é certo dizer? Linux? GNU/Linux? Distribuição?


Em princípio seria certo somente dizer o que cada um significa, pois são conceitos diferentes e até é justo com os desenvolvedores GNU, pois terão seus trabalhos reconhecidos.

No Entanto é confuso usar no cotidiano e pouco prático fazer a diferenciação "ortodoxamente". Então pode-se sim dizer "eu uso Linux", por quê não? Só é preciso, mesmo dizendo somente Linux, saber o que cada um significa.

11 comentários:

  1. POis é Guilherme, é SO mais seguro de hj, o problema é que as pessoas estão acomodados com o xp, daí o linux é completamente estranho e ruim na cabeça deles!

    ResponderExcluir
  2. Concordo com a Tati e com o Guilherme....E uso o mesmo conceito do Linus..."Na verdade as pessoas tem problema e ou medo de aprender coisas novas, os usuários não querem aprender nada novo, só viver no comodismo..."

    ResponderExcluir
  3. Rodrigo Amorim Bahie8 de setembro de 2010 19:27

    Só o Stallman e seus fanboys "exigem" que o sistema seja chamado de GNU/Linux. Isso é uma grande besteira. Linus Torvalds já disse que o Linux nunca foi um projeto GNU para ser chamado de GNU/Linux. Se utilizam software GNU é porque estava e ainda está disponível, assim como os sistemas BSD _também_ utilizavam e utilizam software GNU (com exceção do OpenBSD que está fazendo de tudo para tirar código sob licença GPL de seu sistema base).Essa história toda de GNU/Linux começou por inveja do Stallman e cia. em não receberem crédito algum quando o Linux começou a fazer sucesso. Esses desenvolvedores do projeto GNU não são nem um pouco "altruístas" como dizem ser. A maioria aparenta primeiro _exigir_ reconhecimento por ter uma iniciativa "pura", e não _merecer_ reconhecimento pela qualidade de seu trabalho.

    ResponderExcluir
  4. [...] Desinformação geral: muito não entendem que Linux é o kernel e com base nele se faz o sistema completo, a distribuição. Muitos não entendem que existem distribuições ruins e estas nada tem [...]

    ResponderExcluir
  5. Linux e bom mais o XP eu acho melhor eu respeito a Opinião de Todos mais o Windows e imcomparavel para mim

    ResponderExcluir
  6. Linux é o kernel, então o que se dá pra comparar é o kernel Windows (todo sistema tem kernel). Pra comparar com o Windows, seria uma distribuição Linux, pois é um sistema completo. Então dá pra comparar isoladamente o Ubuntu como o Windows, o OpenSUSE com o Windows, etc.

    As empresas investem muito sim no Linux. Até bilhões. Veja o relatório (temo link acima) do último ano. Até Linux já está dominando o segmento dos smartphones e tablets, com o Google Android, então mercado há.

    O problema está no segmento de desktop, onde a dominação do Windows (iniciada por questões históricas, com o surgimento do padrão IBM PC) tira qualquer foco de outros sistemas. Esse tipo de dominação está com os dias contados com advento da computação móvel (smartphones e tablets). A tendência é ter forte concorrência entre sistemas baseados no kernel Linux, iOS da Apple e Windows Phone da Microsoft.

    ResponderExcluir
  7. Eu sou muito ignorante em questao de sistemas operacionais,esse post me exclareceu muitas coisas.

    Mas eu fiquei com 1 espinho no meu pé com a seguinte questao,em comparaçao ao windows, oque é o linux?Eu sei que existe muita coisa pro windows e muita pouca coisa pro linux, porque isso?Se o linux é mais rapido, seguro etc. Porque as impresas nao investem mais nele, ou na conscientização sobre o mesmo?

    ResponderExcluir
  8. queria entender realmente as vantagens de um sistema ANDROID,o q ele realmente realiza,quais as facilidades!

    ResponderExcluir
  9. ola amigo voce pode mim ajudar comprei um tablet da china genuino 1.6 nao consigo navegar com o madem noa consigo digitar texto tem como eu troca o sistema android pelo o lenux faso como

    ResponderExcluir
  10. infelismente há pessoas que não tem a minima curiosidade de testa as programações por estarem bitoladas no que a grande massa usa. esta contido em um ambiente é uma coisa, mais deixar esse ambiente te engolhir é outra..... busque o novo e esperinte as novas condições de programações!!!!!

    ResponderExcluir