Ubuntu acordou tarde e agora tem que beber água suja

Canonical finalmente anunciou que o Ubuntu não ficará preso a dispositivos tradicionais, como desktops, notebook, netbooks e outros equipamentos similares. Agora a empresa britânica fixará sua mira nas TV inteligentes, smartphones e tablets.


É. É para ficar surpreso e decepcionado. Todos queríamos essa notícia, mas a Canonical parece ter percebido tarde demais que um novo paradigma chegou, que os desktops tendem ser menos relevante, e que o futuro tem garantido os dispositivos móveis, como smartphones e tablets.


Nos PCs o Windows da Microsoft domina, monopoliza o mercado, por questões históricas por ter sido pioneiro e durante muito tempo não ter concorrentes. Isso possibilitou parcerias com centenas de empresas e um legado de programas, drivers e todo tipo de equipamento, que solidificam ainda mais o Windows no mercado e repélem qualquer tipo de rival.


Como era de se esperar, no mundo dos dispositivos móveis está havendo concorrência, como nunca houve antes nos PCs, pelo simples motivo de ter muitas empresas no páreo logo no início. Aqui, nesse segmento, temos Google (Android), Microsoft (Windows Phone e o futuro Windows 8), Apple (iOS), Samsung (Tizen e Bada), Nokia (Symbian e MeeGo), Intel (Tizen), HP (com o semi-morto WebOS), RIM (Blackberry OS e Tablet OS).



Agora, como o Ubuntu para smartphones e tablets, chega a Canonical para brigar também. No entanto ela fará isso somente em 2014, ou seja, tarde demais para competir seriamente com alguém. As chances do Ubuntu para smarphones e tablets se tornar um sistema para nerds ou para quem quer ser underground, é muito grande. Em 2012 já é muito tarde para alguém tentar competir com gigantes como Google, Microsoft, Apple, Intel e Samsung, imagina 2014! Mark Shuttleworth deveria ter decidido isso há anos e saído do plano das ideias muito antes.
Se der certo para o Ubuntu, que bom. Mas se der errado, não vou me surpreender. Só resta torcer mesmo.


Fonte: http://www.gizmodo.com.br/conteudo/ubuntu-tera-versao-para-tablets-smartphones-e-tvs-inteligentes/

1 comentários:

Dublagem de jogos na fogueira

Nos últimos meses as produtoras mostraram definitivamente que o Brasil é uma região estratégica para seus planos comerciais. Blizzard, Sony, Microsoft e outras empresas estão regionalizando (ou localizando, como as empresas gostam) seus jogos por aqui. Isso significa que teremos mais jogos não só legendados, mas dublados, possibilitando um aproveitamento de toda a arte dos games.


3 comentários:

[Dica] Mais velocidade para atualizar o sistema e instalar programas no Ubuntu

Com o lançamento do Ubuntu 11.10 ficou evidenciado que os servidores tem um limite de carga. Quando mais pessoas baixando ao mesmo tempo de um mesmo servidor mais lento para baixar.


Mas é possível melhorar o desempenho dos downloads. No lugar de usar sempre o mesmo servidor padrão do sistema, tente usar outros. Para mudar é muito simples e você pode testar agora.


No Ubuntu, vá à Central de Programas, ao menu "Editar" e em "Canais de software". Na aba "Aplicativos do Ubuntu" existem a opção "Baixar de". Ali escolha "Outro...". Agora clique em "Selecionar melhor servidor" que será feita uma análise de velocidade. Depois disso seu download melhorará muito.




[caption id="attachment_764" align="aligncenter" width="526" caption="Antes que alguém pergunte por que estava desmarcado os repositórios "main", "universe", "restricted" e "multiverse", é porque tirei a imagem no meio da atualização do Ubuntu, quando os repositórios foram desmarcados automaticamente pelo sistema. Recomendo a todos que não deixe nenhum desmarco, nunca."][/caption]



0 comentários: